quinta-feira, 18 de março de 2010

Rico Mesmo ou Testa de Ferro?

.
Foi anunciado hoje (22/01/2010) nos principais jornais do Brasil, que a empresa OGX acaba de encontrar na bacia de Campos mais uma reserva de petróleo em águas rasas (150 metros de lamina d'água). A empresa OGX já detém 100% dos direitos de exploração de outros 4 poços já encontrados nas mesmas condições.
Agora, PRESTEM ATENÇÃO :
1 - A empresa OGX - assim como todas as empresas cuja sigla termina em X que atuam em negócios ligados ao governo - pertence a Eike  Batista.
2 - Eike Batista é um empresário que ficou rico do dia para a noite e já é o homem mais rico do Brasil, e em entrevista recente, prometeu com muita convicção, que em breve será o mais rico do mundo!
3 - Por que as jazidas em águas rasas (menor custo de exploração) estão sendo "repassadas" á OGX com 100% de direitos de exploração, sendo que a PETROBRAS é hoje a terceira do mundo e possui tecnologia de sobra para não ter que dividir nossas riquezas com quem quer que seja? É, no mínimo estranho....
4 - Recentemente uma empresa pertencente ao mesmo Eike Batista teve problemas na Bolívia, algo parecido com o golpe que o governo de Evo Morales aplicou na própria PETROBRAS. Sabem quem foi o negociador contratado por Eike para tratar do assunto na Bolívia? José Dirceu!
5 - Sabem quem decide tudo a respeito de negócios da PETROBRAS? Nada mais nada menos que a Conselheira sra Dilma Russeff e mais uma equipe de petistas especialistas em golpes de todas as especialidades, inclusive na imprensa através do Conselheiro Franklin Martins.
Todos se tornando também Milionários.
6 - Será que o presidente LULA também "desconhece" este esquema da PETROBRAS com a OGX? Você entende agora porque a CPI da PETROBRAS está sendo abafada pelo governo?
7 - Será que o sr Eike Batista é o testa de ferro do PT e seus agentes, na organização do maior golpe financeiro jamais visto neste país, para manter o PT no governo indefinidamente e bilionarizando seus colaboradores??
COMENTO: é preocupante pensar como esse cara enriqueceu assim tão rápido! Será ele um Laranja? Uma coisa é certa, onde tem fumaça, tem fogo. E ainda querem mais estatais para que? Já não bastam a Eletrobras, a Petrobras e outras para mal versar o dinheiro publico?
Mensagem recebida por correio eletrônico, repassada por minha amiga Wanda:
"Mais uma vez tomo o seu valioso tempo, para tecer algumas considerações sobre o e-mail abaixo (Sobre as empresas "X"). De antemão, esclareço que não pertenço a nenhum partido político, sou apenas um técnico. No Brasil atual não temos verdadeiramente partidos políticos, todos, sem distinção, são uma ficção.Temos, sim, quadrilhas, e muitas. Qualquer grupo que ganhe eleições, para pelo menos simular que está governando, tem que fazer acordos com algumas quadrilhas, sob pena de não passar nem um mês no poder. O ex-Presidente JK, que era de uma lucidez ímpar e um autêntico democrata, na sua administração criou uma série de "GRUPOS EXECUTIVOS". Por exemplo: Grupo Exec. da Indústria Química, da Indústria Mecânica etc. Até bem pouco tempo existia ainda o 'GRUPO EXECUTIVO DA INDÚSTRIA DA MINERAÇÃO'- (GEIMI). O que era o GEIMI? Era um órgão´vinculado ao MINISTÉRIO DAS MINAS E ENERGIA. Vejam bem, órgão vinculado, não era subordinado. Era de sua competência administrar a alta política de mineração do País, como assim analisar e decidir pela aprovação de projetos de exploração mineral, aprovar incentivos fiscais, isenção de tributos e outros afins. No Brasil, o subsolo é propriedade do Estado Brasileiro. Qualquer empreendimento que venha explorar o subsolo do País, terá que ser submetido à aprovação da União Federal. Portanto, todo o potencial petrolífero do País e todas as reservas atuais são propriedade do Estado Brasileiro, ou seja, da União. O GEIMI era dirigido por um conselho deliberativo, composto por representantes de vários Ministérios, e do então Estado Maior das Forças Armadas-EMFA. Por muitos anos tive a honra de ser Conselheiro do GEIMI, representando o então Ministério do Interior, quando então convivi com especialistas brasileiros e de vários países do Mundo no campo da mineração.
Nessa época o Dr. Eliezer Batista, pai do Eike Batista, era Presidente da então estatal Cia. Vale do Rio Doce, já uma das maiores empresas de mineração do Mundo. O Dr. Eliezer Batista, era a maior autoridade técnica e administrativa brasileira no campo da mineração, com grande reputação internacional e conhecedor profundo das reservas e do potencial mineral do Brasil. O Senhor Eike Batista, em rápido espaço de tempo passou a ser, segundo a Revista Forbes, de alto conceito mundial, o homem mais rico do Brasil e um dos dez mais ricos do Mundo, e olhe que ainda é uma pessoa jovem. Portanto, com a autoridade que tenho de ter participado dessa importante atividade econômica por vários anos, hoje com 75 anos de idade, não quero afirmar que o assunto do e-mail em questão é absolutamente verdadeiro, mas 'onde há fumaça há fogo', sou de opinião que mereceria uma reflexão por parte de todos os brasileiros. Se verdadeiro, realmente seria mesmo o maior golpe econômico e financeiro infligido no sofrido povo brasileiro desde a vinda de JOÃO VI para o Brasil em 1808. Dessa maneira, se esta mensagem é interessante para os prezados amigos, sugiro reencaminhá-la ao maior número possível de brasileiros."


Nenhum comentário: