terça-feira, 10 de agosto de 2010

Joaquim Roriz com a mão na massa

Por Márcio Accioly
Num país onde nenhuma declaração de integrantes da chamada classe política consegue mais surpreender, causou incômodo a afirmação da candidata presidencial do PV, Marina Silva, ao se referir a suposto “aquecimento global” a que estaria submetido nosso planeta. Será possível insistir em cansativa conversa fiada?
Aquilo foi dito no debate da TV Bandeirantes, acontecido na última quinta-feira, dia 5. Será que a assessoria da candidata desconhece as denúncias de manipulação por parte do ex-vice-presidente dos EUA (1993-2001), Al Gore, que corre risco de prisão por conta de falcatruas mil, inclusive na fabricada história do aquecimento?
Marina, petista arrependida, precisa ler urgentemente dois livros: “Not By Fire But By Ice” e “Magnetic Reversals and Evolutionary Leaps”. Como é que a ex-ministra de Lula quer conquistar o voto de pessoas esclarecidas, impondo a conversa mole de “aquecimento global” e defendendo o arrendamento das florestas nacionais?
Aliás, a bem da verdade, como é que se pode estar alinhado a qualquer dos candidatos/as que aí se encontram, todos eles especializados em repetir histórias cansadas e arrependidas jamais postas em prática? Em muitos municípios, as pessoas já buscam resolver injustiças com as próprias mãos.
Os sicofantas que corroem o País não perdem por esperar. Cheias na Região Sul, intensas nevascas, cheias na Região Nordeste e as promessas de recursos públicos não passam disso. Milhares de pessoas se abrigam em escolas e prédios de órgãos públicos. Ninguém consegue adivinhar quando irão para suas casas ou alojamentos decentes.
Em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, um tamanduá-bandeira foi flagrado numa oficina, buscando abrigo contra o frio. Acorde, dona Marina! O mundo está esfriando, no início de nova era glacial! Que tipo de governante vossa excelência deseja ser, com tanta desinformação? Ou será coisa deliberada?
Na Bolívia, seis milhões de jacarés, tartarugas, golfinhos e peixes das mais variadas espécies estão flutuando pelos rios, apodrecendo, mortos por causa do frio. Seis milhões! Antes de sermos cobertos por gelo (e dos larápios secarem os cofres públicos nacionais), a população mundial estará se matando nas ruas por comida.
Por falar em secar os cofres públicos, Joaquim Roriz ex-governador do DF foi filmado da mesma maneira que José Roberto Arruda (DEM), contando dinheiro e falando a respeito de malfeitos. Para se atestar corrupção no Brasil é preciso que o indigitado seja filmado com numerário nas mãos. Se isso não for feito, nada acontecerá.
Palmério Dória escreveu um livro, intitulado “Honoráveis Bandidos”, cuja capa retrata somente a cabeça do ex-presidente (1985-90), José Sarney (PMDB), de óculos escuros e pose de mafioso. Pior é o que se encontra dentro do livro: história de roubos inacreditáveis e desvios impensáveis. Nada aconteceu!
O presidente Lula, diretamente envolvido em narrativas mal contadas de desvios de dinheiro e assassinatos (como os dos prefeitos de Santo André, Celso Daniel e Toninho de Campinas, ambos do PT), disse que Sarney “é diferente”, “é pessoa que merece respeito e tratamento privilegiado” por parte dos idiotas nacionais.
O principal acusado no assassinato de Celso Daniel (caso que também já registra a morte de várias testemunhas) é o ex-funcionário do gabinete de Lula (quando ainda deputado federal), Sérgio Gomes da Silva, o “Sombra”. O advogado de Sombra é o ex-deputado petista Luís Eduardo Greenhalgh, flagrado em telefonemas incriminadores.
De maneira que tudo se acumula e nada transmite a impressão de que será resolvido. Cada qual deseja apenas se sair bem e se perpetuar no poder. Para quem vive neste triste cantinho de mundo, resta esperar providências de mãe natureza.
Márcio Accioly é Jornalista.
Fonte: Alerta Total
COMENTO: o autor afirma que "Para se atestar corrupção no Brasil é preciso que o indigitado seja filmado com numerário nas mãos." E eu indago: e de que adianta "atestar corrupção" se os flagrados com a 'boca na botija' já estão fartos de verbas surrupiadas e podem pagar hábeis advogados "fichas imundas" que, sob o argumento de que a constituição cidadã - aquela cuja elaboração foi coordenada por aquele outro que de tão bom o esqueleto nunca foi encontrado - resguarda o 'direito de defesa a todos', montam chicanas jurídicas e usam todos os subterfúgios possíveis para postegar os processos até sua prescrição? E o povinho na espectativa da Copa de 2014!! Só mesmo a 'mãe Natureza' para dar jeito nesta bosta!!

Nenhum comentário: