quinta-feira, 26 de março de 2009

Congresso Nacional: a Maior Casa de Tolerância de Brasília!!!!!

.
As recentes notícias sobre a estrutura e o funcionamento do Senado e do Câmara dos Deputados em Brasília são estarrecedoras. Vamos aos fatos: a sociedade descobriu que o Senado possui 181 diretores!!!! NENHUMA outra organização NO MUNDO tem tantos diretores!!!!! Fica aqui o desafio: alguém pode me apontar uma empresa, uma organização ou outro órgão de governo EM TODO O MUNDO que tenha tantos diretores????? 
E alguém acha que o Sarney vai fazer esta limpeza? Ele e o Sr. Agaciel Maia (ex diretor geral do Senado, demitido recentemente por Sarney para tentar evitar o escândalo) foram responsáveis pela criação de cerca de 70% dos 181 cargos de diretores durante os diversos momentos em que a dupla comandou a casa.
Mas o despropósito não acaba aí. Vocês sabem quantos funcionário existem na Câmara dos Deputados e no Senado (Congresso Nacional)????? Dois mil? Cinco mil??? Se vocês não estão sentados, aconselho que se sentem. 
O Congresso possui 30 mil funcionários!!!!!!!! Que custam ao país a bagatela de R$ 5.000.000.000,00 (cinco bilhões de reais) por ano, sendo R$ 2,6 bilhões para sustentar os 20 mil funcionários da Câmara (!!!!!) e R$ 2,4 bilhões para pagar o suado trabalho de 10 mil funcionários do Senado (!!!!!!!!!). Não deve ter mesa e cadeira para tanta gente! 
Como pudemos chegar a esta situação sem que ninguém se desse conta? Onde estavam Pedro Simon, Suplicy e Jarbas Vasconcelos? Porque esta caixa preta passou tanto tempo fechada???? E o pior, como a sociedade tolera isto? Na verdade, a maior casa de tolerância não é o Congresso Nacional. A maior casa de tolerância é o Brasil! Até quando?????? 
Marcos Cavalcanti é Coordenador do CRIE
COPPE/UFRJ
Fonte: O Globo
COMENTO: chamar o congresso nacional de casa de tolerância é uma enorme falta de consideração para com as genitoras dos políticos lá abrigados. Afinal, em qualquer bordel "deçepaíz" o serviço é organizado, com seriedade, não sendo permitido nem a metade do puteiro visto em Brasília.
.

Nenhum comentário: