quarta-feira, 12 de junho de 2013

Manifestação de Militares em 11 Jun 12

Militares trancam rua e protestam contra o governo em Brasília
por Políbio Braga
Cerca de 60 pessoas, entre civis, militares reformados, esposas de militares e simpatizantes, com o apoio de movimentos contra a corrupção e pela honestidade, realizaram uma marcha no dia 11, em protesto contra o governo. 
 Entre os cartazes, lia-se "Chega de juros abusivos", "Chega de corrupção", "Chega de tanta violência", "Chega de Comissão da Verdade defendendo só um lado", "O Governo brasileiro humilha seus militares". Aposentados solicitaram, também, segundo o Correio Braziliense, reajuste de pensão. Em algumas das faixas, lia-se: "Intervenção militar já!". 
Segundo organizadores, o número de pessoas esperadas para a manifestação era muito superior, tendo sido divulgada nas redes sociais e recebido mais de 200 mil visualizações, além de 40 mil compartilhamentos em uma só postagem no Facebook.
"Infelizmente, por ter sido necessário que se fizesse em um dia da semana e em Brasília, a adesão foi muito menor. Muitos não puderam faltar ao trabalho, tampouco viajar para Brasília, que está distante dos grandes centros", afirmou um dos colaboradores.
Os militares têm sido, ano a ano, desvalorizados economicamente pelo Estado, sendo isto amplamente divulgado em redes sociais e discussões públicas. Isto é visível em comparações de salários: um comandante de fragata da Marinha recebe cerca de R$ 8.000,00, enquanto um motorista do Senado aufere até R$ 19.000,00. De todo modo, vale ressaltar que boa parcela de outros meios e searas, como saúde e educação, sofrem, também, de disparidade relativa a cargos no Senado.
Após fecharem a pista em frente ao Palácio do Planalto, caminharam em direção ao Ministério da Defesa, ocupando a entrada do mesmo. A marcha foi ordeira e pacífica, não havendo confrontos ou depredações. O grupo foi recebido pelo ministro da Defesa, externando a sua indignação.
Fonte:  Políbio Braga
imagens Correio Braziliense
COMENTO:  me desculpem os leitores mas não consigo postar as imagens corretamente. Já tentei de várias formas mas elas aparecem "com as pontas trocadas" como se diz lá na minha terra. Se houver interesse em vê-las corretamente, sugiro que "salvem como", abram no visualizador de imagens e girem 180°. 

Nenhum comentário: