domingo, 4 de dezembro de 2011

Vai sair o Aeromóvel em Porto Alegre!

O Metro (diário gratuito do Grupo Bandeirantes RS) publicou no dia 1º Dez 2011:
Prefeitura deve anunciar a retomada das obras do Aeromóvel, interrompidas nos anos 80
Um sonho interrompido há cerca de 30 anos pode ser retomado nas próximas semanas. A Prefeitura de Porto Alegre e a Trensurb devem formalizar, no dia 12 de dezembro, um termo de cooperação para dar continuidade à construção da linha do aeromóvel a partir da Usina do Gasômetro, no centro da cidade. As obras foram interrompidas em 1982, após o erguimento de apenas 650 metros da via.
O novo projeto prevê a extensão da linha por mais de sete quilômetros ao longo da orla do Guaíba, chegando até o Jockey Club, na Zona Sul da capital gaúcha. Apesar de nenhuma das partes querer dar declarações oficiais sobre o assunto, um estudo preliminar da Trensurb teria apontado a necessidade da criação de 12 estações de embarque e desembarque ao longo do trajeto do aeromóvel. Também é prevista a construção de duas elevadas, uma para cada sentido de deslocamento.
O sistema seria composto por cerca de 20 veículos, cada um com capacidade para 600 passageiros e adaptados para pessoas com necessidades especiais. O custo da obra ficaria em torno de 40 milhões de reais por quilômetro, totalizando um montante de quase 300 milhões. Para efeitos de comparação, a linha de aeromóvel que está sendo criada junto ao Aeroporto Internacional Salgado Filho terá menos de um quilômetro de extensão, e está recebendo um investimento de 30 milhões de reais do governo federal.
A prefeitura pretender estabelecer uma parceria público-privada para viabilizar a linha de Aeromóvel na orla do Guaíba. Por esse modelo, a empresa vencedora da concorrência construiria a linha, e teria direito à exploração do serviço por um certo período de tempo, com o objetivo de obter o retorno do investimento.
O aeromóvel funciona por propulsão a ar, sendo movido por ventiladores elétricos. O veículo não polui nem produz ruídos. Além disso, não precisa de condutores, pois utiliza um sistema automático.
Murilo Zardo

Nenhum comentário: