quinta-feira, 21 de julho de 2011

A Corrupção


O nivel de aceitação da corrupção no Brasil pode ser explicado pela sua formação genética. Imaginem voces uma panela de água quente e outra de água gelada. Voce consegue enfiar sua mão dentro de uma das panelas e segurar ela lá, por 30, 60 segundos? É claro que não. Mas se voce misturar as duas, com certeza poderá fazer isso. 
É isso o que o brasileiro é, genéticamente falando, um "morno", um frouxo que aceita qualquer coisa goela abaixo, isso para não falar de outros orificios. 
No mundo o Brasil é conhecido como paraiso de ladrões e putas, muitas putas, negras, loiras, morenas, japas, indias, qualquer coisa. Brasileirinhas é um dos maiores selos pornôs do mundo. O que não falta aqui é puta na TV. E com a mãe do lado.
Existem no Brasil dois fenômenos de fanatismo que todos conhecem: o PT e a IURD, Igreja Universal do Reino de Deus, que até hoje ainda não consegui entender se é evangélica ou se é macumbaria, pois mistura as duas correntes espirituais. Isso qualquer um vê. 
O PT era o dono da Verdade, tinha seu monopólio total. Tinha. Quando virou governo gostou tanto da brincadeira que acabou enrolado, corrompido, por todos os lados. Depois disso pensou que teria para si o monopólio exclusivo da Mentira. Errou feio. 
Qualquer um pode mentir e não dá nada. Shakspeare dizia: "um homem pode ser o f.d.p. que quiser e mesmo assim continuar sorrindo, sorrindo e sorrindo". E assim é. Agora, as viuvas do finado PT, que encheu as burras de muitos, inclusive do "operário pobri i humirdi", tentam justificar suas ignorâncias politicas afirmando que corrupção existe em qualquer sociedade e desde que o mundo é mundo. 
Lógico que existe. O que faz a diferença é maneira como cada sociedade trata essa questão. 
Na China o corrupto vai para o paredão e a família, desonrada, é obrigada a pagar a bala que o matou. 
Realmente, criticar falcatruas, atos de desonestidade dos outros, é fácil. Isso qualquer um faz. Quero ver é o que o individuo fará quando tiver que decidir, sozinho, pesando prós e contras de sua decisão. Eu já fiz isso, de verdade, não em teorias. Tomei minha decisão mesmo sabendo o que ia acontecer. Mas não me arrependo, pois fiz o que era certo, o que era correto. Faria tudo outra vez, igualzinho. 
As vezes digo que nasci no lugar errado. Não gosto de praia, de carnaval nem de futebol. Mas eu gosto da verdade. "Fale a verdade e ela vos libertará" diz a Biblia. Eu digo mais: "fale a verdade, mesmo que isso signifique a morte". É por isso que eu continuo admirador dos EUA e de seu povo. Lá eles tem uma expressão bastante usada: "a hora em que os meninos são separados dos homens". E assim é que deve ser. 
Temos que encarar a hora da verdade, sempre. Só assim vamos deixar de ser um paraíso de ladrões, proxenetas e putas.
Fonte:  Partido Alfa

Nenhum comentário: