segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Yeda inaugurou ponte de aço de R$ 53 milhões.

Jamais, antes, no RS, uma ponte de quase meio quilômetro (423 metros), toda de aço, foi construída em prazo tão curto. Alguns pilares mergulharam 39 metros água e terra adentro.
Trata-se da ponte de Agudo, sobre o rio Jacuí, que custou R$ 53 milhões.
A velha ponte da RS-287 caiu em janeiro e 11 meses depois a nova foi entregue nesta sexta-feira pelo Daer.
Yeda, que mostrou-se radiante em Agudo, na manhã desta sexta-feira (3/12),  quis dar à solenidade um símbolo material dos enormes investimentos rodoviários que está fazendo no Estado.
A esta ponte de Agudo, o Daer somará a inauguração do trecho final de 83 kms da RSC-471, que permitirá que as safras agrícolas da zona de produção alcancem o porto sem passar pela região metropolitana, cortando sobre a Serra de Encruzilhada.
Somente este ano são R$ 700 milhões em estradas recuperadas e novas. O valor é maior do que o total que pagaram Olívio Dutra ou Germano Rigotto durante os quatro anos somados do governo de cada um. 
E tudo de dinheiro próprio, do caixa do Tesouro.
Yeda Crusius  recuperou a capacidade de investimento do Estado depois que conseguiu emplacar o déficit zero, o que ocorreu no seu segundo ano de governo. O déficit zero resgatou a capacidade de pagamento em dia das contas estaduais e permitiu a acumulação de recursos para novos investimentos.
Há 40 anos o governo estadual convivia com continuados déficits crônicos.
CLIQUE AQUI para saber mais informações e ver imagens da reportagem da RBS TV, na sua programação desta sexta-feira (3/12) de manhã.
Fonte:  Políbio Braga
COMENTO:  Lamentável a não reeleição de Yeda Crusius para o Governo do RS. Realmente, foi a melhor administração dos últimos tempos. Infelizmente, dedicou-se a sanear as contas estatais e investir em infra-estrutura, e isso não é visto pelo povão que se ilude com discursos e pequenos favores, isto é, propaganda via RBS e bolsas ou vales-miséria. O povo gaúcho já foi bem mais inteligente na escolha de seus representantes. Já foi!

Nenhum comentário: