domingo, 18 de abril de 2010

Condecorações ??!!

.
José Alencar e o secretário-geral do Itamaraty, Antonio Patriota, condecoraram com a Ordem de Rio Branco a primeira-dama, Marisa Letícia, e Ana Maria Amorim, mulher do chanceler, Celso Amorim. 
Elas receberam a distinção no grau de Grã-Cruz, o mais elevado distribuído pelo Ministério das Relações Exteriores. (DOU nº 70, de 14 Abr 2010 - pag 1)
Normalmente, é o próprio Lula e Celso Amorim que prestam tal homenagem. Mas para não dar as insígnias a suas mulheres, os dois, em viagem ontem aos Estados Unidos, repassaram a incumbência para seus substitutos imediatos. 
Por Lauro Jardim

A informação foi retirada de um tópico em uma comunidade do Orkut chamada "Comunistas Caricatos" e também me chamou a atenção o seguinte comentário de uma participante:
"- Marisa Letícia condecorada 
- Ex BBBs formadores de opinião 
- Guerrilheiros e assassinos indenizados como heróis 
Depois do governo Lula, a ordem das coisas se inverteu a tal ponto que não há mais volta. 
Destroem a história de um país, para reconstruí-la de acordo com seus moldes esquerdofrênicos...
Ao que me consta, este tipo de Condecoração é conferida a alguém que presta ou prestou serviços inestimáveis à pátria. Pergunto: "O quê estas duas senhoras fizeram para merecerem tamanha distinção"? Nada!!!!"
E o comentário acima não poderia ser mais apropriado e este sim é inestimável.
Em 2008, vejam o absurdo, dona Marisa Letícia foi condecorada com a Medalha de Santos Dumont por "serviços prestados ao desenvolvimento da aviação brasileira". 
Não só ela mas também os PeTralhas Milton Zuanazzi e Denise Abreu, após a tragédia do vôo da TAM em Congonhas e que tiveram uma passagem desastrosa pela ANAC. Tanto que vários aviadores, militares e civis e outras pessoas ligadas à aviação devolveram as sua comendas, indignados! 
Condecorar uma "primeira-dama" que declara que está tentando a cidadania italiana para "garantir o futuro de seus filhos e netos", confirmando assim que o seu marido não dará futuro algum para o país, é uma afronta à sociedade brasileira, é um deboche. 
É uma farra inquestionável! O nosso país está de cabeça para baixo, é um vale-tudo grotesco, são patéticos os nossos valores, tanto que em qualquer evento de porte, o que surge como representando o país é sempre a camisa da seleção de futebol. O brasileiro ainda tem muito o quê aprender e parar de confundir torcida com patriotismo.
Uma das formas de demonstrar este mesmo patriotismo é pela capacidade de se indignar com os descalabros que este governo comete à razão diária. Porém esta capacidade, o brasileiro já mostrou que não possui. 
COMENTO: e o Megalonanico, na sexta-feira, ainda tentou justificar as condecorações afirmando que, “o apoio à atuação dos maridos na política internacional justificam a homenagem”. É um exemplo típico de caradurismo em excesso! Ou como escreveu um "bronqueiro" na coluna do Claudio Humberto no dia 17/4, às 16:26h: "Se a condecoração das esposas soa como indecente, a desculpa para justifica-las mostra a imbecilidade do proponente."
ATUALIZANDO: conforme correio eletrônico recebido, "Essa condecoração fere o item B do Art. 9º do Capítulo IV do regulamento que rege a admissão e promoção na Ordem: 
... B) Quadro Suplementar ... 
... Grã-Cruz — Presidente da República, Vice-Presidente da República, Presidente da Câmara dos Deputados, Presidente do Senado Federal, Presidente do Supremo Tribunal Federal, Ministros de Estado, Governadores dos Estados da União e do Distrito Federal, Almirantes, Marechais, Marechais-do-Ar, Almirantes-de-Esquadra, Generais-de-Exército, Tenentes-Brigadeiros, Embaixadores estrangeiros e outras personalidades de hierarquia equivalente. 
Essas duas senhoras não se enquadram em nenhuma das categorias acima. 
A condecoração fere ainda o Art. 11, Parágrafo 5º do mesmo capitulo, que rege o tempo que o agraciado deve prestar ao serviço público para se habilitar à premiação
Art. 11 - Para a admissão no Quadro Suplementar da Ordem, os servidores públicos brasileiros devem contar, no mínimo, o tempo de serviço estipulado a seguir, segundo o grau proposto: 
- Cavaleiro……............. 10 anos 
- Oficial……………...…. 15 anos 
- Comendador……....…. 20 anos 
- Grande Oficial……......25 anos 
- Grã-Cruz…………… 30 anos"
.

Um comentário:

Anônimo disse...

Por indicação do seu companheiro de sacanagem, o assessor de Marco Aurélio Top-Top Garcia, Bruno Garpar, vai receber uma das mais importantes comendas concedidas pela diplomacia brasileira, a Ordem de Rio Branco.

A comenda é oferecida pelo Itamaraty, no dia 20 de abril, dia do Diplomata e aniversário de nascimento do Barão de Rio Branco.

Na lei que instituiu a medalha está dito que “é destinada a galardoar os que, por qualquer motivo ou benemerência, se tenham tornado merecedores do reconhecimento do Governo Brasileiro, servindo para estimular a prática de ações e feitos dignos de honrosa menção, bem como para distinguir serviços meritórios e virtudes cívicas.“

Os únicos “feitos dignos”, “ação meritória” e “virtude cívica” do tal condecorado Bruno Gaspar foi ter participada de uma dança de acasalmento com o seu chefe Marco Aurélio Garcia, depois disso conhecido por Marco Aurélio Top-Top, comemorando sobre as 200 vítimas do acidente da TAM, em São Paulo, uma notícia que achavam iram inocentar o seu chefe Luis Inácio Lula da Silva, da responsabilidade do acidente aéreo.

Em qualquer república do mundo os dois estariam na privada, no Brasil, continua fazendo danças de acasalamento, só que longe das cameras e concedendo benesses um ao outro.

Perdão Barão do Rio Branco. Ese ato abjeto é a renovação da afronta aos familiares das vítimas do voo da TAM. Uma coisa repugnante. Alguém precisa fazer alguma coisa.

Veja como se ganha uma comenda da Ordem do Barão do Rio Branco

A primeira dama inútil,ea mulher do vice também ganharam as suas medalhas da Ordem do Barão do Rio Branco.


* Nota dessa blogueira: Como se ganha a medalha do Mérito da Ordem do Rio Branco NO GOVERNO LULA.