quarta-feira, 21 de abril de 2010

Censura não oficial???

Não entendi. Ué!!
A Globo tirou do ar o comercial dos 45 anos. Como assim? O PT iria implicar ou implicou justamente onde o Governo federal coloca o maior número de publicidade no país? Não entendi!!
Dizem que o “45 da Globo” é o mesmo “45 do Serra”. Fora a expressão “mais” usada pela pré-campanha de Serra.
Afinal, a Rede Globo não é a grande parceira do governo do nosso presidente Lula?

Sérgio Oliveira e o “mais 45”
A respeito da suspensão do filme da Globo, referente aos seus 45 anos, porque o PT insinuou que seria propaganda subliminar do Serra, veja a brincadeira de um blog que acessei:
Urgente! Globo muda nome de programa e de personagem por pressão do PT.
O programa MAIS VOCÊ, da Rede Globo, apresentado por Ana Maria Braga, passará a ser chamado apenas de VOCÊ. O personagem Louro José também mudará de nome. Passará a atender por Louro João. A Rede Globo não quer ser acusada de favorecimento à campanha de José Serra, cujo o slogan é O BRASIL PODE MAIS! Além disso, vai antecipar a comemoração dos 46 anos, que ocorreria em 2011, para não citar o número 45, que lembra o PSDB.

Sérgio Oliveira e o “mais 45” – 2
E também esta:
Extra! Globo determina que Galvão Bueno evite certas expressões para não desagradar o PT.
A partir de agora, fica proibido na emissora citar expressões como "aos 45 minutos do primeiro tempo", "ainda temos mais 45 minutos", "o que de melhor aconteceu nos 45 minutos iniciais", para não realizar propaganda subliminar para o candidato tucano José Serra. A direção solicita especial atenção para não usar, em hipótese alguma, nos comentários de intervalo, a expressão "o Brasil tem MAIS 45 minutos para...". Além disso, favor não chamar o juiz comentarista de José Roberto Wright, mas apenas Roberto Wright. Revogam-se todas as disposições em contrário.
COMENTO: é como vivo repetindo, noçagrandimprensa, viciada-dependente total das verbas públicas distribuídas pelo prop-minister tupiniquim, faz qualquer negócio para não melindrar a galinha dos ovos de ouro, ou devia dizer, para não irritar as hemorróidas por onde passa o vil metal que a sustenta, com os recursos dos otários usuários do BB, Petroroubarás, Correios, et caterva.

Nenhum comentário: