sexta-feira, 30 de outubro de 2009

O "Modo PT de Agir" no RS

.
O excelente blog do José Previdi, em 28 Out 09, dedicou quatro partes de músicas populares em homenagem à deputada federal Maria do Rosário, do PT gaúcho, que foi candidata à Prefeitura Municipal de Porto Alegre no ano passado. Confiram lá o tema das músicas e discordem se forem capazes.
.........."Não vou dizer que Simplesmente Maria do Rosário mentiu. Ela simplesmente “errou no que disse” – temos que escrever assim, porque ela é “politicamente correta, ética, moralista” e pessoas desse quilate não mentem. Erram.
Antes, por favor, assistam a este vídeo histórico, veiculado nas TVs durante o horário eleitoral gratuito, em 27 de agosto do passado:

.............
Não é um primor? Viram o esforço que a nobre parlamentar empreendeu para convencer a bancada gaúcha a apoiar a emenda do metrô porto-alegrense, que daria 1 bilhão e 300 milhões de reais para a obra? Notaram os milhares de empregos que a obra da candidata iria gerar?
Disse ela: “A minha luta valeu a pena. Consegui convencer os deputados gaúchos a assinar a emenda coletiva que sugeri destinando recursos para o metrô”.
E por isso, falou Simplesmente Maria, “vamos ter o metrô antes da Copa do Mundo”. Reafirmou que os recursos estavam assegurados e que iria trabalhar lado-a-lado com o presidente Lula.
Matéria do UOL, em 20 de outubro de 2008:
Esquentou o clima da campanha eleitoral em Porto Alegre. No debate da tarde desta segunda-feira na rádio Guaíba, do grupo Record, o prefeito José Fogaça (PMDB) classificou a sua adversária na disputa do segundo turno como "rainha do metrô".
Segundo ele, a discussão levantada pela petista Maria do Rosário sobre a construção do metrô em Porto Alegre é artificial. "Não há emenda no Orçamento da União para realizar a obra. A emenda que existe é de R$ 26 milhões, o que representa um centésimo da necessidade. Se depender da emenda apresentada pela rainha do metrô, vamos levar 100 anos para construir", disse o prefeito.

Pois bem, aí no dia 10 de novembro do mesmo ano, na coluna do Políbio Braga, uma notinha:
Onde estão os R$ 26 milhões de Rosário?
Ninguém consegue descobrir onde foi parar a emenda de R$ 26 milhões que a deputada Maria do Rosário teria emplacado no orçamento federal para implantar o metrô de Porto Alegre.

Leia mais no blog do Previdi, de 28 Out 09. Lá pode ser lida a opinião do deputado Raul Pont, também do PT/RS sobre o metrô para Porto Alegre: "- Pra quê metrô? Porto Alegre não precisa de metrô!!" O atual prefeito porto-alegrense, José Fogaça, mandou seus perdigueiros atrás da rubrica, mas não há vestígio a vista.
E assim é, em âmbito federal, estadual, municipal, o PT vive de promessas e mentiras. Passadas as eleições, tudo cai no esquecimento "compensado" com algumas "bolsas-qualquer coisa" fornecidas pelo governo federal e pagas pelos otários de sempre.

Nenhum comentário: