quarta-feira, 25 de março de 2009

O Estado Contra o Brasil

por Geraldo Almendra
Eu quero dizer uma coisa para vocês: não está longe o dia em que o Foro de São Paulo vai poder se reunir e ter, aqui, um grande número de presidentes da República que participaram do Foro de São Paulo.
(Lula em 2 Jul 2005 durante o Fórum de São Paulo, organização marxista-leninista que muitos negam a existência.)
O intencional processo de desconstrução dos vínculos das Forças Armadas com suas responsabilidades de preservar a integridade democrática e territorial do país – pétreas obrigações dos códigos militares protetores do Estado de Direito Democrático – é um hediondo crime de lesa-pátria, que tem sido sistematicamente tipificado durante os desgovernos civis, e utilizado como instrumento de conquista do poder pelos traidores de nossa luta pela liberdade, dignidade e justiça social.
A clara intenção do desgoverno petista de subordinar as Forças Armadas aos interesses partidários de um poder público prostituído, absolutamente imoral e aético, rebaixando os generais do alto comando militar para receber ordens de um escalão administrativo inferior da burocracia petista, é um hediondo ato de traição à nossa pátria e uma humilhação inaceitável aos comandantes militares, devendo essa atitude ter a absoluta repulsa e represália de toda a sociedade.
É inconcebível que uma instituição tida pela própria sociedade como a mais confiável de suas instituições, seja criminosamente submetida a esse tratamento pelo desgoverno petista.
Não podemos mais permitir que atos de vingança daqueles que escolheram voluntariamente a luta armada marxista-leninista para tentar tomar o poder, apesar de muitos terem ficado ricos ou milionários com pensões vitalícias ou indenizações absurdas, patrocinadas pelo desgoverno petista, continuem na tentativa de humilhar e fraudar a destinação Constitucional e Institucional das Forças Armadas.
As Forças Armadas não podem trair o Brasil diante da nova ameaça marxista-leninista representada pelo petismo. Os comandantes militares, juntamente com a sociedade civil, não deixaram que isso acontecesse em 1964 pelas mãos de um governo com as mesmas intenções, e não devem permitir que essa ameaça se torne um fato consumado desta vez, com uma cúmplice do terrorismo petista assumindo a presidência em mais um absurdo estelionato eleitoral de cartas marcadas pelo grotesco assistencialismo-clientelista, tudo bancado por mais de cinco meses de trabalho por ano dos contribuintes.
Não estamos vivendo em uma democracia de eleições livres, mas sim em uma ditadura controlada pela maior compra de votos do mundo ocidental, fundamentada em uma fraude política enraizada na falência cultural e educacional das massas populares, cujas consequências de leso-patriotismo já atingiram proporções quase incontroláveis.
Permitir a consecução do projeto de poder perpétuo do PT com o próximo presidente jogando toda a sujeira petista para debaixo do tapete – estratégia vital para evitar o desmascaramento do desgoverno petista e garantir a volta de Lula ao cargo findo o mandato de sua cúmplice - é impedir a vigência do Estado Democrático de Direito, colocando a sociedade refém de uma ditadura fascista ou sindico-comunista, disfarçada praticante de um socialismo corrupto-clientelista-assistencialista subordinado à organização Fórum de São Paulo.
O Fórum de São Paulo, tendo entre seus fundadores os senhores Fidel Castro e Luis Inácio, está por trás das estratégias de caráter marxista-leninista-petista que a cúpula dos traidores apátridas tem desenvolvido para dominar o país.
O objetivo principal desta organização – Fórum de São Paulo – com forças militares e paramilitares espalhadas pela América Latina é uma tentativa de união continental contra o capitalismo, a liberdade e a democracia, promovendo o atraso e a decadência dos países envolvidos, em uma estratégia geopolítica rigorosamente idiota, genocida e suicida.
A intenção desses paranóicos comunistas é formar um novo bloco de nações à semelhança dos regimes do Leste Europeu que foram desmantelados com a queda do muro de Berlim, depois de praticarem o genocídio de milhões de cidadãos nos países onde o marxismo-leninismo se instalou. O objetivo desses canalhas é nos condenar a décadas de submissão, à mediocridade social, à ditadura petista, e ao caminho da vala comum para os inimigos do sistema.
São as seguintes, as bases fundamentais do projeto petista de poder perpétuo, subordinado ao Fórum de São Paulo:
- aparelhar de forma absoluta as empresas estatais e os podres poderes da República com os militantes do petismo e seus cúmplices;
- seguir uma linha de atuação político-social fundamentada no decálogo de Lênin;
- através do desvio ilícito do dinheiro do contribuinte, construir uma base financeira sólida para financiar o suborno dos esclarecidos e a compra do apoio de outros partidos políticos e de organizações empresariais;
- difamar e desmoralizar as Forças Armadas para assumir seu controle com civis leais ao comando do PT/Fórum de SP, depois de consumar sua obsolescência material e o desgaste moral de seus comandantes e soldados;
- colocar o Poder Judiciário, especialmente os Tribunais Superiores, a serviço dos interesses do Poder Executivo;
- controlar a ação/reação de entidades civis chaves como a OAB, a CNBB, parte da grande mídia, universidades públicas, os sindicatos e algumas entidades empresariais;
- desarmar a sociedade civil e localizar/controlar todos os que têm armas legalizadas;
- promover a maior garantia de compra de votos já testemunhada em um país do mundo ocidental através do assistencialismo clientelista;
- criar uma Força de Segurança diretamente subordinada à presidência e transformar a Polícia Federal em uma polícia política de defesa interna dos interesses do petismo, que poderia ser utilizada, junto com a Força de Segurança, para debelar eventuais “rebeliões” de grupos militares e civis isolados, e agir coercitivamente contra todos aqueles que se opuserem ao petismo;
- motivar o desenvolvimento permanente de uma força paramilitar de emergência – movimentos sociais patrocinados – no caso da sociedade passar a se movimentar de forma coletiva contra o desgoverno do PT.
Se analisarmos o que já testemunhamos durante o desgoverno petista chegaremos à conclusão de que estamos em estágio final dos objetivos da revolução petista.
Diante da confirmação desse diabólico projeto, que poderá se consolidar com a colocação de uma ex-terrorista na presidência, é que esperamos uma urgente postura de defesa de nossa pátria por civis e militares engajados em um Projeto de Salvação Nacional antes que seja tarde demais.
Fonte: ViVerdeNovo

Um comentário:

GRUPO GUARARAPES disse...

O BRASIL EM PERIGO

O Brasil encontra-se em perigo e poderá tomar três direções graves: perda de parte de seu território; partir para uma ditadura de esquerda disfarçada de democracia ou marchar para uma revolução social.

O GRUPO GUARARAPES vai apontar fatos que levam a afirmação acima.

1. Solução dada pelo STF ao caso da Raposa Terra do Sol. O brasileiro para entrar nestas terras demarcadas necessitará de passaporte?

2. O STF considera furto de pequeno valor não CRIME. Pode-se entrar num supermercado e roubar feijão ou arroz? E se for uma bicicleta? Com esta decisão o pequeno pode roubar. O STF apenas igualou com os grandes ladrões da coisa pública, que estão soltos e até defendidos por autoridades. FOLHA SP 21-3 09

3. Pelas notícias dos jornais e o que vai se sabendo o SENADO DA REPÚBLICA apodreceu. Ficou sem moral. Lá tudo pode acontecer da noite para o dia.

4. Brasileiros são condenados a prisão perpétua nos EUA por crime de seqüestro e no Ceará um seqüestrador é solto pela justiça, pois o STF disse que ninguém pode ficar preso antes do processo passar em julgado. Todos os criminosos soltos.

5. Jornais publicam declaração do Presidente da Republica de que não cumprirá a ordem de deportação do criminoso caso seja esta a decisão do Supremo. O GRUPO GUARARAPES nem pode imaginar uma coisa desta.

6. O Ministro da Defesa, do alto de suas tamancas, ataca e procura humilhar general que vai para a reserva. A honra do militar foi ferida e o militar não aceita coisa deste tipo, particularmente de quem não tem moral para tal, pois é criminoso confesso de ter falsificado a Constituição Federal Brasileira.

7. Existe uma guerra no Rio e em São Paulo. Bandidos procuram criar áreas livres para prática do crime.

8. Livro de geografia apresenta erros grosseiros no Mapa da América do Sul. Milhões de reais jogados fora e ninguém responsabilizado.

9. O senhor Delúbio, o grande envolvido no escândalo do mensalão, no seu legítimo direito, procura voltar ao seu Partido. Vai voltar e será eleito deputado federal pelo seu Estado.

Finalmente, estamos assistindo a campanha para as eleições de 2010 na rua. Vão gastar o último tostão do País para eleger o candidato do governo e a compra de vota vai ser pratica pela liberação das verbas parlamentares. Já foi assim na eleição passada. Tudo legal e o PAÍS chegando a ter uma dívida interna próximo 2 trilhões de reais.

RESPONDAM SE: O BRASIL NÃO SE ENCONTRA EM PERIGO?

QUEM VAI SEGURAR A BOIADA? AS FORÇAS ARMADAS DIRIGIDAS PELO ATUAL MINISTRO?

SOLUÇÃO: BRASILEIROS DE PÉ PARA DEFENDER A PÁTRIA?

ESTAMOS VIVOS! GRUPO GUARARAPES!

25 DE MARÇO DE 2009