terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Falta de Vergonha Que Não Tem Fim

.
Lula sofre para condecorar Uribe

Lula com atadura na mão condecorando Uribe: puro fingimento.
Foto de Orlando Brito
O presidente Lula recebeu hoje pela manhã no Planalto o presidente da Colômbia, Alvaro Uribe, que visita oficialmente o Brasil.
O governo Lula não moveu uma palha no esforço de libertação da ex-senadora Ingrid Bettancourt, que ficou mais de seis anos sequestrada pelos narcoterroristas das FARC, mas o Ministério das Relações Exteriores brasileiro informa que a visita é para agradecer "a participação do Brasil na operação de libertação de reféns", e também para analisar perspectivas de negócios.
Lula condecorou Uribe com a medalha da Ordem do Cruzeiro do Sul, muito embora jamais tenha condenado claramente a ação os narcoterroristas das FARC, que, financiados pelo trafico de drogas, tentam derrubar o governo democraticamente eleito da Colômbia.
O presidente brasileiro sofreu para condecorar Uribe, até porque sente dores na tendinite que desenvolveu na mão esquerda, obrigando-o a usar uma atadura elástica.
Fonte: Coluna do Claudio Humberto
COMENTO: a que se obriga um presidente democrático em nome da diplomacia. Álvaro Uribe, devia estar enojado com o bafo de onça do cínico hoje desmandando no Brasil, mas teve que aguentar firme em nome do bom relacionamento com o Brasil, cuja participação discreta do Exército evitou que a liberação de seis reféns se transformasse em espetáculo de propaganda em favor dos criminosos, como era a intenção dos canalhas. Quanto ao batráquio, sua maior dor não foi oriunda da tendinite mas sim do desgosto de estar condecorando um governante democrata, amado por seu povo, quando gostaria de estar dando a comenda ao cumpanhêro Alfonso Cano, chefe da quadrilha de narcoterroristas denominada FARC.

Nenhum comentário: