sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Prisão de Marcos Valério Visa Desgastar Lula

.
por Jorge Serrão
Aproveitando que o desgoverno petista anda baratinado com a “marola” econômica que sacode os mercados financeiros, a Polícia Federal prendeu hoje empresário Marcos Valério, que responde a ação no Supremo Tribunal Federal no caso do mensalão, no qual é acusado de ser operador do esquema. Valério cansou de advertir que, se fosse preso, levaria mais gente com ele. Era a senha para se manter livre até hoje. O seu recado era para cima, na direção do Palácio do Planalto.
Em meio à crise, Lula pode ser alvo de uma ação psicológica para desgastá-lo. Novas “surpresas” podem pipocar. Incluindo Marcos Valério foram presas hoje 17 pessoas em Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo. Segundo investigações da Polícia Federal, o grupo criminoso é composto por empresários, despachantes aduaneiros, advogados e policiais civis e federais. Todos praticavam extorsão, fraudes fiscais e corrupção.
O ministro da Justiça, Tarso Genro, negou que a Operação Avalanche tenha qualquer vínculo político partidário: É uma operação normal, com delitos normais, que, segundo informações que me chegaram da operação, não tem qualquer vínculo com qualquer atividade partidária ou política”. O motivo pelo qual Tarso fez tal ressalva sobre a prisão de Valério e companhia é que não ficou claro.
Fonte: Alerta Total 
COMENTO: Será que que essa "operação normal, com delitos normais" - já chegamos ao ponto de delitos serem considerados "normais" - tem algo a ver com a certeza revelada ontem de que a decisão sobre o próximo candidato petista ao cargo de Presidente da República já foi tomada?? E Marcos Valério? Cumprirá sua promessa de "entregar o jogo"?? Eis uma boa oportunidade de algum delegado da PF, Procurador Público ou Juiz sério (se é que ainda se pode encontrar algum) oferecer uma boa negociação de "delação premiada" ao carequinha mineiro.

Nenhum comentário: